Biografia

Rinaldo Barros

Foto de Rinaldo Barros

SOBRE O AUTOR

Escrito por RICARDO ROSADO, e adaptado pelo autor e responsável pelo site.

Rinaldo Barros empresta a este site OPINIÃO POLITICA uma visão didática, menos pomposa e menos acadêmica, sobre temas complexos, buscando presentear os internautas com reflexões recheadas de leveza e até bom humor.

Ele preferiu uma fórmula mais aberta e franca, não tão simples que deixe de provocar questionamentos, nem tão abstrata que restasse pouco interesse do internauta.

Para construir o contorno teórico do que apresenta e defende, o autor caminha por temas como relações sociais e políticas, conceitos de saúde, ciência, conteúdo cultural, relações de dominação e poder, religiões, moral dominante, alienação, o que é ser conceitualmente normal ou anormal numa sociedade cada vez mais complexa e, para alguns, cada vez mais doente.

A visão do professor e sociólogo encaixa o homem em seu ambiente, no centro de todas as preocupações, em uma realidade sociocultural, contextualizando questões.

Envolvendo o homem em seus aspectos fisiológicos, psíquicos, sociais e espiritualistas.

Homem, e não máquina. Homem, e não número.

O internauta pode passear por todos os conteúdos, crônicas e vídeos, que encontrará motivos e provocações teóricas.

O site reproduz deliciosas crônicas e artigos publicados nos meios de comunicação.

Sobre temas da atualidade, mas sempre colocando a sua visão republicana dos fatos.

Rinaldo fez o Mestrado de Sociologia na Unicamp. Depois, virou Professor na UERN, em Mossoró, nas redações da Gazeta do Oeste.
Depois foi morar em Curitiba, onde fez o Doutorado em Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano. A saudade trouxe-o de novo para Natal, onde hoje, livre dos compromissos da academia, continua buliçoso e inquieto curtindo o ócio criativo e articulando e vencendo os novos desafios destes tempos pós-modernos.

Quando o Rio Grande do Norte ganhou Rinaldo Barros ele já tinha passado pelos enormes dissabores da prisão política, vítima da repressão da ditadura entre 1972 e 1974.

Preso e torturado, Rinaldo Barros, ao contrário de muitos dos seus contemporâneos e vítimas, não transformou-se numa pessoa amarga, mastigando o passado marcado pela injustiça, simplesmente por defender suas ideias.

Pelo contrário.

Ele manteve o espírito republicano, os desejos de liberdade, a luta pela democracia, a militância política e partidária, a sempre difícil participação na vida pública.

Em todos os cargos que ocupou, e não foram poucos, a mesma seriedade, os mesmos princípios éticos, a mesma visão do social a comandar gestos e ações.

Em todos os lugares, o homem cordial e generoso que sempre encontra um espaço para discutir o país, o estado, a cidade.

O ser humano e suas circunstâncias na sociedade.

Sem dogmatismos e intolerâncias.

A riqueza da convivência com Rinaldo Barros está na pessoa, no ser, no cidadão, sempre pronto para defender as boas causas.

Se é possível encontrar uma definição sobre o autor deste site OPINIÃO POLÍTICA, recorro ao que ele disse em seu discurso quando da entrega do merecido título de Cidadão Norte-rio-grandense, na Assembleia Legislativa:

"Sou um homem extremamente rico de amigos e muito feliz".

Nas reflexões do site, o leitor encontrará conceitos que combatem a opressão e que buscam o direito de ser feliz.

Visite sempre, e aproveite.